O Que Motiva o Interesse dos Consumidores no Seu Produto?

O Que Motiva o Interesse dos Consumidores no Seu Produto?

advertisement

 

Descubra as razões profundas que levam os consumidores a desejarem seu produto. Explore os atributos únicos que cativam a atenção do público-alvo e aprenda a potencializar esses elementos para construir uma forte conexão entre seu produto e as expectativas do mercado.

Os consumidores algumas vezes têm dificuldade para explicar por que eles desejam aquilo que desejam. Eles fornecem respostas às perguntas feitas, mas elas podem ser um pensamento passageiro ou socialmente adequado, e não uma crença sob a qual agem. Tente perguntar o que eles não querem.

O que eles não gostam no seu produto, serviço, localização, tamanho, forma, etc.? As pessoas estão ávidas para compartilhar suas críticas se souberem que não há risco pessoal envolvido. Dê a eles a oportunidade e ouça cuidadosamente as suas respostas.

advertisement

Uma vez que conheça suas preocupações, você poderá ser capaz de fazer alguma coisa com relação a elas. Tão logo saiba o que os consumidores não querem, você pode escolher se o dará ou não a eles. Muitas inovações em produtos e serviços nos anos 70 e 80 focalizaram aquilo que os consumidores não queriam, com o sucesso do produto sendo devido ao fato de que não proporcionam o que os consumidores não queriam.

Considere produtos tais como colas diet e outras bebidas e alimentos dietéticos, produtos “light” e com baixo teor de álcool e todos aqueles produtos “sem” ou “pouco” ou “baixo” – sem colesterol ou pouco colesterol, sem gordura, sem sódio, baixos teores de nicotina, sem conservantes, sem aromatizantes ou corantes, e assim por diante. 

A ideia de não-lhes-dê-porque-eles-não-querem também afetou muitas empresas de serviços. Há esforços para reduzir o tempo em filas (bancos, supermercados) e para fornecer serviços mais simples ou o auto-serviço como uma alternativa aos altos custos e ao maior tempo necessário para receber serviço personalizado (por exemplo, as filas de auto-serviço em postos de gasolina e as pontes aéreas entre Nova Iorque e Boston ou Washington, D.C.).

Os restaurantes fast-food eliminaram alguns dos problemas de espera ao jantar fora. Do ponto de vista do consumidor, descubra o que está no seu produto e no seu fornecimento que ele não quer e tente não dá-lo.

Escrito por RafaelDavi em

Você está aqui: